Tíade Corretorra
ACCEL CELULARES
Decoração
Portal Alto Piquiri
Dengue
Portal Alto Piquiri
Dengue
El Mate
Coronavirus
Sumup
Libertadores

Athletico faz seu melhor jogo em 2020 e vence o Colo-Colo na Arena

Nas duas rodadas finais, o Athletico joga em casa contra o Jorge Wilstermann e vai ao Uruguai enfrentar o Peñarol.

 Bola Na Rede

Bola Na RedeCarlos Rodrigues, Radialista, Publicitário e Jornalista! Tudo sobre o futebol amador e nacional. Mora em Perobal-PR

24/09/2020 06h57
Por: Redação
Fonte: Silvio Rauth Filho/Bem Paraná
164
Jogadores do Athletico comemoram gol sobre o Colo-Colo, na Arena (Foto: Divulgação/Athletico.com.br)
Jogadores do Athletico comemoram gol sobre o Colo-Colo, na Arena (Foto: Divulgação/Athletico.com.br)

O Athletico Paranaense venceu por 2 a 0 o Colo-Colo, nessa quarta-feira (dia 23), na Arena da Baixada, pela 4ª rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. Com o resultado, o time brasileiro ficou na liderança isolada do Grupo C, com 9 pontos, à frente da equipe chilena, que tem 6 pontos. Os outros dois integrantes do grupo, o Jorge Wilstermann e o Peñarol, têm 3 pontos cada e se enfrentam nesta quinta-feira (dia 24).

Nas duas rodadas finais, o Athletico joga em casa contra o Jorge Wilstermann e vai ao Uruguai enfrentar o Peñarol.

DESEMPENHO
Foi a melhor atuação do Athletico em 2020. O time não deu show no aspecto individual, mas foi consistente na defesa, na construção e no setor ofensivo. Coletivamente, controlou o Colo-Colo nos 90 minutos e não correu riscos. O novo formato tático da equipe ofereceu muita liberdade de movimentação para Christian, Erick, Cittadini, Fabinho e Pedrinho. E o quinteto aproveitou, construíndo belas jogadas com trocas rápidas de passes.

FASE
Com o resultado, o Athletico completou quatro partidas seguidas sem perder, com três vitórias consecutivas (Colo-Colo, Jorge Wilstermann e Coritiba) e um empate (Botafogo).

JEJUM e MÁ FASE
O Colo-Colo perdeu suas últimas nove partidas por competições oficiais no Brasil. Sua última vitória em solo brasileiro foi em 2009, sobre o Palmeiras. Desde o fim da paralisação provocada pela pandemia, o time chileno não venceu no campeonato nacional, com dois empates e duas derrotas, amargando a 15ª colocação.

ESCALAÇÃO DO ATHLETICO
Thiago Heleno e Cittadini retornaram ao time. Outra novidade era Pedrinho no lugar de Geuvânio. A baixa era Nikão, em recuperação. Walter e Bissoli ficaram fora da lista de convocados para o jogo.

O técnico Eduardo Barros repetiu a formação tática do último jogo, com o 4-1-2-1-2 para atacar e o 4-4-1-1 para defender. Com a bola, Cittadini era o meia ofensivo, Wellington o volante e a dupla de ataque tinha Pedrinho e Fabinho. Sem a bola, a linha de quatro tinha Christian (esquerda), Wellington (centro), Erick (centro) e Fabinho (direita). Cittadini e Pedrinho ficavam mais à frente.

ESCALAÇÃO DO COLO-COLO
O Colo-Colo não tinha o artilheiro Paredes e os zagueiros Zaldivia e Julio Barroso. Com 5 minutos de jogo, o time perdeu Pablo Mouche, por lesão. O time chileno usou o 4-1-4-1, com Fuentes como único volante.

PRIMEIRO TEMPO
O primeiro tempo teve domínio absoluto do Athletico, que fez dois gols, criou mais duas chances e não deixou o adversário atacar. Os gols vieram cedo, aos 6 e aos 13 minutos. O primeiro foi em escanteio de Christian e desvio de cabeça de Campos (gol contra). O segundo foi em bela jogada de Christian, chute de Cittadini, rebote do goleiro e desvio de Suazo (gol contra). Depois do gol, o time paranaense reduziu o ritmo e esperou falhas do adversário para atacar. Aos 36, Pedrinho desperdiçou boa chance, após cruzamento perfeito de Jonathan. O Colo-Colo sofreu e praticamente não atacou.

SEGUNDO TEMPO
No intervalo, Abner entrou no lugar de Márcio Azevedo. O Colo-Colo mudou sua formação tática, mas não conseguiu melhorar significativamente. O Athletico seguiu controlando o jogo e atacando de maneira estratégica, sem forçar o ritmo. Foram poucas jogadas ofensivas dos dois times na segunda etapa. Os melhores momentos do Furacão nesse período foram chutes de fora da área de Erick e Christian. Aos 23, Geuvânio entrou no lugar de Pedrinho. Nos minutos finais, Eduardo Barros rodou o elenco, colocando em campo Lucho, Jorginho e Léo Gomes.

Jorginho, ex-Atlético-GO, fez sua estreia pelo clube paranaense, entrando aos 36 minutos do 2º tempo.

O Colo-Colo só acertou uma finalização no gol: um chute de longa distância, aos 47, que Santos defendeu com facilidade.

ESTATÍSTICAS
Ao fim do jogo, o Athletico somou 10 finalizações (4 certas), 50% de posse de bola, 88% de acerto nos passes e 4 escanteios. O Colo-Colo obteve 7 finalizações (1 certa), 50% de posse de bola, 86% de acerto passes e 1 escanteio. Os números são do site Sofascore.

ATHLETICO 2x0 COLO-COLO
Athletico: Santos, Jonathan (Jorginho), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Márcio Azevedo (Abner); Wellington, Erick, Christian (Léo Gomes) e Cittadini (Lucho); Pedrinho (Geuvânio) e Fabinho. Técnico: Eduardo Barros
Colo-Colo: Brayan Cortés; Opazo (Bryan Soto), Campos, Insaurralde e De La Fuente (Véjar); César Fuentes; Gabriel Suazo, Matías Fernández (Carmona), Bolados (Gabriel Costa) e Pablo Mouche (Leonardo Valencia); Parraguez. Técnico: Gualberto Jara
Gols: Campos, contra (6-1º), e Suazo, contra (13-1º)
Cartões amarelos: Wellington, Cittadini (A). Leonardo Valencia, Bryan Soto (CC).
Árbitro: Fernando Rapallini (Argentina)
Local: Arena da Baixada

PRINCIPAIS LANCES

Primeiro tempo
5 – Cittadini invade a área e toca para Pedrinho, que chuta. O goleiro espalma.
6 – Gol do Athletico. Christian cobra escanteio para a 1ª trave. Campos desvia de cabeça e marca contra.
13 – Gol do Athletico. Cittadini tabela com Christian, recebe na área e chuta cruzado. O goleiro espalma. Erick chega para completar, mas Suazo acaba desviando antes e marcando gol contra.
36 – Cittadini cruza da esquerda. Jonathan domina na área e cruza para Pedrinho, na cara do gol. Ele cabeceia para fora.

Segundo tempo
8 – Boa troca de passes. De Jonathan para Fabinho para Erick, que chuta de fora da área. O goleiro pega no canto.
10 – Christian chuta de fora da área. O goleiro espalma.
35 – Lançamento para a área. Parraguez faz o pivô e rola para Suazo, que chuta cruzado, para fora.
47 – Carmona chuta de longe. Santos segura no centro do gol.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Alto Piquiri - PR
Atualizado às 13h53
24°
Céu encoberto Máxima: 24° - Mínima: 17°
24°

Sensação

14.1 km/h

Vento

31.5%

Umidade

Fonte: Climatempo
ACCEL CELULARES
Dengue
Portal Alto Piquiri-Dengue
Coronavirus
Previsão do Tempo
Portal Alto Piquiri
Coronavirus
Sumup
Portal Alto Piquiri
ACCEL CELULARES
Municípios
Dengue
Charge
Portal Alto Piquiri
Coronavirus
Portal Alto Piquiri
Portal Alto Piquiri
Últimas notícias
Portal Alto Piquiri
Mais lidas
Portal Alto Piquiri
Anúncio