Terça, 28 de Setembro de 2021
36°

Poucas nuvens

Alto Piquiri - PR

ECONOMIA Investimento

Plusval Iporã: R$ 200 milhões de Investimentos, 200 mil frangos/dia com 2.500 empregos

O Prefeito Sérgio Borges esteve nesta quinta-feira na sede da Pluma em Cascavel.

16/07/2021 às 16h04 Atualizada em 16/07/2021 às 16h15
Por: Redação Fonte: Portal Alto Piquiri com Assessoria
Compartilhe:
Foto aérea atual da Plusval em Iporã que trará grande desenvolvimento para a região.
Foto aérea atual da Plusval em Iporã que trará grande desenvolvimento para a região.

Um projeto grandioso é a construção do abatedouro de frango da Plusval em Iporã. Envolvendo investimentos da Prefeitura de Iporã, do Governo do Estado do Paraná e uma joint venture de duas grandes empresas paranaenses: a Pluma Alimentos, de Dois Vizinhos, e a C.Vale, de Palotina. Para a conclusão de todo o complexo a previsão é de investimentos de R$ 200 milhões, que possibilitará um abate de até 200 mil frangos/dia com a geração de 2.500 empregos.

Reunião do Prefeito Sérgio Borges na Pluma em Cascavel

Nesta semana, o prefeito Sérgio Luiz Borges acompanhou as obras e na tarde desta quinta-feira, 15 de julho de 2021, esteve com o diretor da Plusval em Cascavel, Lauri Francisco Paludo.  O prefeito diz que está empolgado com os projetos que trarão importante reforço para a economia regional, tanto na cidade como também no campo, onde dezenas de novos aviários terão de ser construídos. Participaram da reunião também o Secretário da Indústria e Comércio, Márcio Antônio Abreu e o Secretário da Saúde, Hailton Oliveira.

Ritmo acelerado das obras do abatedouro de frango

A geração de empregos no município de Iporã e em toda a região vai dar um salto muito grande com os dois projetos que estão sendo implantados na avicultura. O abatedouro de aves está com as obras em ritmo acelerado, numa parceria da Prefeitura com a Plusval Agroavícola.

RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS PELO WHATSAPP, ENTRE NO GRUPO

Incubadora e atração de novos aviários em Iporã e Região

Iporã terá uma incubadora de ovos que está sendo instalada em parceria da Prefeitura de Iporã com a Pluma Agroavícola. Está em fase inicial e a Prefeitura está incentivando a construção com o preparo do solo no terreno que fica na margem da PR-323, saída para Umuarama, logo após a Polícia Rodoviária. No local, a produção da Pluma Agroavícola vai atender as unidades de Iporã e outras cidades. Para garantir o abastecimento do abatedouro, os contatos já estão sendo mantidos para a instalação de novos aviários em Iporã e cidades próximas. 

Início das Atividades em 2022

A previsão para o abatedouro iniciar as atividades é no próximo ano e, quando isso ocorrer, a expectativa é abater de 60 a 80 mil aves por dia com a geração de aproximadamente 1 .000 empregos diretos e indiretos já no início das atividades. Na sequência, a previsão é ir ampliando aos poucos os abates devendo chegar ao abate de cerca de 200 mil frangos/dia com a geração de 2.500 empregos.

Investimentos da Prefeitura e do Governo Estadual

Para viabilizar o empreendimento, a Prefeitura de Iporã cedeu o terreno de aproximadamente 10 mil metros quadrados e a infraestrutura. O Prefeito Sérgio Borges diz que o município está investindo em torno de R$ 10 milhões e o Governo Estadual investe mais R$ 12,3 milhões em equipamentos por meio da Secretaria Estadual do Desenvolvimento Urbano. Mas, ao todo o investimento no projeto todo será de aproximadamente R$ 200 milhões.

Trevo de Acesso e Asfalto

Sérgio Borges informou também que já está definida a construção de um trevo de acesso ao abatedouro, que fica na margem da rodovia BR-272 na saída para Guaíra, entre a garapeira e a vila rural. E as estradas rurais próximas do empreendimento e em outros pontos do município também vão ganhar asfalto e outras melhorias para garantir o transporte até os aviários.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias