Terça, 28 de Setembro de 2021
36°

Poucas nuvens

Alto Piquiri - PR

SAÚDE Covid-19

OMS analisa nova variante que tem potencial para escapar de vacinas

A preocupação se dá porque a variante tem mutações que podem indicar resistência às vacinas e mais estudos serão necessários para entender suas características, explicou a organização.

02/09/2021 às 05h20
Por: Redação Fonte: R7
Compartilhe:
Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução
Cepa do coronavírus surgiu na Colômbia, em janeiro de 2021, e representa 0,1% dos casos de covid-19 no mundo.
A OMS (Organização Mundial da Saúde) informou no boletim epidemiológico semanal sobre a covid-19, na noite de terça-feira (31), que incluiu uma nova cepa do SARS-CoV-2, batizada de Mu, na lista de 'variantes de interesse'. A variação foi encontrada pela primeira vez na Colômbia, em janeiro de 2021.
A preocupação se dá porque a variante tem mutações que podem indicar resistência às vacinas e mais estudos serão necessários para entender suas características, explicou a organização.
Todos os vírus, incluindo o SARS-CoV-2, que causa a covid-19, sofrem mutações com o tempo, e a maioria delas tem pouco ou nenhum impacto nas características do vírus. Porém, algumas mutações podem afetar as propriedades do vírus e influenciar, por exemplo, na capacidade de propagação, a gravidade da doença que causa ou a eficácia de vacinas, medicamentos ou outras medidas para combatê-la
O surgimento em 2020 de variantes que apresentavam risco agravado à saúde pública global levou a OMS a caracterizá-las como "de interesse" ou "preocupantes", a fim de priorizar as atividades de vigilância e pesquisa em nível global.
A nova cepa de interessa foi detectada na Colômbia em janeiro passado e, desde então, foi encontrada em outros países da América do Sul. Além de que foram relatados surtos da Mu e B.1.621 também foram relatados em partes dos EUA e na Europa.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias