Terça, 28 de Setembro de 2021
36°

Poucas nuvens

Alto Piquiri - PR

BRASIL Despedida

Familiares, amigos e fãs se despedem de Airton Machado

Velório do cantor começou por volta das 18h30 em Criciúma.

14/09/2021 às 05h34 Atualizada em 14/09/2021 às 05h45
Por: Redação
Compartilhe:
Imagem: Reprodução Oops Noticia Foz
Imagem: Reprodução Oops Noticia Foz
Familiares, amigos e fãs prestam na noite desta segunda-feira, dia 13, as últimas homenagens ao cantor Airton Machado, de 62 anos. O corpo do vocalista da banda Garotos de Ouro, está sendo velado no Crematório Catarinense, no bairro Quarta Linha, em Criciúma.
Machado morreu na madrugada desta segunda-feira em um acidente envolvendo o ônibus do grupo de música gaúcha. Ele era condutor do veículo que teria ficado sem freio e colidido em uma parede de pedra, na BR-282, em Águas Mornas (SC). O corpo de Machado chegou em Criciúma por volta das 18h30, onde já era aguardado por pessoas próximas.
Sócio e amigo do cantor, Dhianine Alves, esteve com o vocalista da banda Garotos de Ouro nos últimos shows realizados pelo grupo, em São Joaquim, no fim de semana. Além da parceria, Alves tinha forte relação pessoal com Machado. "Minha relação com o Airton era de pai para filho, fazemos aniversário do mesmo dia. Ele sempre foi alegria, a convivência com ele era sempre de risadas, de brincadeiras. E assim foi até o último momento. Fizemos dois shows em São Joaquim, com a casa cheia. É uma fatalidade o que aconteceu com ele. Ele era um cara ímpar, parceiro, gente boa, animado. Na música era diferenciado. Ele é um ícone da música gaúcha conhecido no Brasil inteiro", contou.
Um dos pedidos do cantor feito ao sócio era de que a banda nunca acabasse. "Muitas pessoas de diferentes lugares do país nos mandando mensagem. A banda inteira está em choque por receber uma notícia desta. A gente até estava com uma turnê agendada para outubro no Mato Grosso do Sul. Ainda não conversamos sobre como tudo isso vai ficar, não é o momento. Mas vamos fazer o que ele sempre quis. Quando eu comprei a banda dele, a única coisa que ele pediu foi para não deixar a banda acabar", contou.
Nos palcos, Airton Machado marcou sua trajetória, sendo inspiração até mesmo para outros grupos da música tracional da gaúcha. O vocalista da banda Os Campesinos, Enio Cordova, recordou as oportunidades em que dividiu apresentações com os Garotos de Ouro. "Perdemos uma pessoa importante do meio artístico do Sul do Brasil. Ele e o irmão dele (Ivonir Machado) foram precursores na divulgação da nossa cultura por meio da música. Tivemos uma convivência longa, nos conhecemos a bastante tempo, fizemos parcerias, tocamos várias vezes na mesma noite, inclusive dividindo equipamentos. Ele teve uma trajetória incrível. Uma pessoa muito dinâmica, sempre mantendo a banda em alta e atualizada, mudando componentes, se adequando as mudanças do gênero", destacou.
O velório seguirá até esta terça-feira, dia 14. O corpo de Machado será cremado e depois seguirá até a cidade natal do cantor, em Cruz Alta (RS), onde será sepultado. O acidente aconteceu depois do grupo Garotos de Ouro realizar shows em São Joaquim no último fim de semana. O restante da banda seguia viagem para Blumenau para novas apresentações, enquanto Airton Machado retornava para Içara, onde mora. Ele e a esposa eram os únicos ocupantes do veículo. Ela teve ferimentos graves e foi levada para o hospital. Seu quadro de saúde é estável.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias