Sexta, 28 de Janeiro de 2022
28°

Pancada de chuva

Alto Piquiri - PR

AGRICULTURA Seca

Governo Municipal de Brasilândia do Sul decreta situação de emergência devido a estiagem

As perdas no Município de Brasilândia do Sul foram estimadas em 75% para a soja e 70% para o milho, afetando mais de 500 agricultores.

10/01/2022 às 15h23 Atualizada em 10/01/2022 às 15h26
Por: Redação Fonte: Assessoria
Compartilhe:
Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução
Na quarta-feira (05), o prefeito de Brasilândia do Sul, Alex Cavalcante, assinou decreto que declara situação de emergência no Município em decorrência da estiagem nos últimos meses, agravada de ventos e altas temperaturas que aceleraram a evaporação da água nas lavouras.
 
Segundo dados levantados pelo coordenador municipal de Proteção e Defesa Civil, Humberto Teixeira D`Ávila, junto ao DERAL – Departamento de Economia Rural – regional de Umuarama, as perdas no Município de Brasilândia do Sul foram estimadas em 75% para a soja e 70% para o milho, afetando mais de 500 agricultores.
 
 
O levantamento ainda aponta que em dois meses era para chover aproximadamente 150 mm, mas choveu apenas 10 mm. “O prejuízo já é visível e neste momento de preocupação por parte dos agricultores não poderíamos deixar de fazer a nossa parte declarando situação de emergência em nosso Município”, lembrou o prefeito Alex.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias