Dengue
ACCEL CELULARES
Portal Alto Piquiri
Portal Alto Piquiri
Dengue
Decoração
Sumup
El Mate
Padre Reginaldo Manzotti
Coronavirus
Tíade Corretorra
Covid-19

Ex-ministro da Saúde, Ricardo Barros está internado com coronavírus

A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná) confirmou neste sábado (25) a morte de 4 pessoas diagnosticadas com a Covid-19. Assim, chega a 69 o número de mortes causadas pelo coronavírus.

Especial Covid-19

Especial Covid-19Página especial com informações e notícias da pandemia causada pelo novo coronavírus.

26/04/2020 11h24
Por: Portal Alto Piquiri
Fonte: Paraná Portal
149
Wilson Dias/Arquivo/Agência Brasil
Wilson Dias/Arquivo/Agência Brasil

O deputado federal Ricardo Barros (PP) está internado em Maringá, na região norte do Paraná, diagnosticado com Covid-19. O político foi ministro da Saúde durante o governo de Michel Temer (MDB).

 

Barros foi internado na Santa Casa de Maringá nesta sexta-feira (24). Ele aguardava o resultado dos exames laboratoriais, que atestaram hoje (25) a infecção pelo coronavírus (SARS-CoV-2).

 

Conforme Ricardo Barros, o quadro dele é estável e apresenta boa evolução. “Agradeço a família, profissionais de saúde e amigos pelo apoio e orações”, disse, por meio do Twitter.

O irmão do ex-ministro da Saúde, Silvio Barros, também contraiu a Covid-19. O ex-prefeito de Maringá chegou a ficar internado em um leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Silvio deixou a UTI no dia 1º de abril.

A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná) confirmou neste sábado (25) a morte de 4 pessoas diagnosticadas com a Covid-19. Assim, chega a 69 o número de mortes causadas pelo coronavírus.

Conforme o boletim epidemiológico atualizado hoje (25), o Paraná registrou 22 novos casos. Entre eles está o de um paciente que mora em Belém, no Pará, mas que foi atendido e diagnosticado em Curitiba.

Em relação às mortes, conforme a Sesa, os pacientes eram todos homens. Londrina teve duas mortes confirmadas, em pacientes de 59 e 70 anos. Um óbito aconteceu em Cascavel (homem de 70 anos) e outro, em Guairacá (homem de 52 anos).